polaróide

atravesso a rio branco na altura da nilo peçanha e escuto django reinhardt em algum ponto da rua. procuro em volta e vejo um camarada na esquina atracado ao violão. ele toca sem camisa, sentado sobre um amplificador. tem barbicha, maquiagem nos olhos, faixa na testa e dreadlocks idênticos ao johnny depp em “piratas do caribe”. o som que tira do violão parece ter o acompanhamento gravado do quinteto “hot club de france”. desvio meu caminho para passar um pouco mais perto e percebo o truque. o amplificador toca a gravação original, enquanto o cara, desplugado, apenas executa alguns acordes simples. para o olho desatento, é um virtuose. pelo menos, parece se divertir.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s